US Takes Down $25 Million Bitcoin ATM Operation, Seizes 17 ...

Bitcoin Greece

Τα πάντα για το Bitcoin.
[link]

Why we should talk about and start changing the unit names of Bitcoin. Satoshis, bitcoins, bits, uBTC, mBTC (milli-bits?), etc. people would rather buy 10,000.00 something than 0.001 thing

People have tendencies, is one of them that they like big numbers over small ones?
It might be more rewarding to see large numbers and comma help with errors.
Plus who wants to recieve 0.00928 btc when they would be getting 9.28 millibits
so let's discuss the names of bitcoin unit demonimations (does a satoshi have a symbol? I like this one at the endthat looks like a chain )!
There is a great post in another reddit on this subject but I dare not link t it.
What if we do all the SI term but give them other names?
1.0 btc = bitcoin 0.1 decabtc = ? 0.01 centabtc = credit 0.001 millibtc = ? (millibit?)
What else?
submitted by zcc0nonA to Bitcoin [link] [comments]

Proper titles for holders of BTC and units of BTC

Fast forward 20 years in the egalitarian future we all imagine, with no more fiat, there will need to be new words coined. There will be no "Billionaires" because there are not a billion bitcoins... so here are my suggestions.
 
For units of measure, if you owe someone... you wouldn't say
Ohh no... I'm a grand in the hole
you may instead use one of these terms.
For example in Vegas...
Guys I got cash out... I'm over 5 bitcent down tonight
 
And for the wealthy, you might use these terms to describe those who have amassed staggering fortunes.
As in....
Wow.. if that kid keeps it up, she'll be a unitarian by the time she's 30
 
Reference
Edit: Better formatting
submitted by brianddk to Bitcoin [link] [comments]

Changetip now supports Bitcoin-denominated custom tip amounts (monikers). Have some credits on me!

Naming the 100-satoshi denomination (0.000001 BTC) is a great idea because that amount should fit the value of most tips - for a while at least. This can go a long way to eliminating unit bias among beginners as well. Denominating transactions this way also makes it possible to adapt existing finance software, which sometimes only recognizes two decimal places.
However, I'm not a fan of the name "bit", which has been proposed. The main reason is that "millibit" is already in use. That value is 1,000 bits, not 1/1,000 bits as would be expected. This will confuse new users. Attracting them is part of the reason for tipping in the first place.
There are a lot of proposals for what to call the 100-satoshi denomination. My favorite is "credit", which has been a unit of currency in sci-fi:
http://en.wikipedia.org/wiki/List_of_fictional_currencies
Using Bitcoin feels like living in the future, so I've decided to call 100 satoshis a "credit".
Changetip allows you to choose a custom "moniker" for tip amounts, but so far these could only be denominated in USD. Recently, an update made it possible to denominate monikers in BTC as well.
To celebrate, I'm offering between 1 and 1,337 credits to every user posting a main-thread reply containing the the phrase "hit me".
edit: grammar
edit: to be clear, "credit" is a custom moniker I added myself, so you won't be able to tip in credits (or your favorite unit) until you set up your own moniker. Here's how:
https://www.changetip.com/tip-amounts
submitted by BobAlison to Bitcoin [link] [comments]

Why wallets should have built in price conversion

We periodically see posts suggesting that "1 Bitcoin" at $1000, $2000, $3000, $4000 sounds too expensive, and results in an off-putting pack of zeros after the decimal point when purchasing your kombucha.
Folks then plead for the community to finally switch to millibits or to microbits but call them "bits" for short. Arguments tediously play out again about what the best unit is, and what the best thing to call it, or whether we should switch to the tonal number system, or whether people should just get over themselves stop being irrationally uncomfortable with paying .000222 bitcoin for a cup of coffee.
After that, everyone goes back to measuring everything in 100,000,000 satoshi units. Here is a post from 4 years ago called It's bits which was submitted about 4 years ago.
And all of that ignores the fact that tomorrow the cup of coffee is likely to have a different price, measured in bitcoin. Which is a problem! Critics have rightly observed that no one would dare take out a large loan in a deflating currency, and it would be psychologically difficult to rejoice over your annual pay cut in quite the same way you enjoy getting a raise.
People think of the "unit of account" function as being central to the definition of currency, but Satoshi didn't choose that as a design goal. Instead, he gave us this fixed issuance curve and let the price chips fall where they may. It's part of what makes bitcoin more like a "base metal as scarce as gold", that is to say more like a commodity and less like a currency.
Sure, volatility has gone down in the last 8 years, but what you really want from a unit of account is no volatility at all. We would have some measurement of value that is stable over time -- let's call it the Jolly for making the point. A meal at a fast food place should probably cost 10 to 100 Jollies. A meal at a nice restaurant might be 10 to 1000 Jollies. Something like that. That's a range of quantity of value that people seem to find convenient to work with and think about, if you look around at a lot of national currencies.
We don't have the Jolly right now, and getting global consensus on a definition of one would be tough. Maybe some day.
In the mean time, what makes sense to use as a unit of account is your local good-enough fiat currency unit. Mind you, we are not going to use the filthy government money itself, just borrow the unit as a measurement of value. The unit has merit, is free to use, and has no downsides that I can see. (If your local currency is unstable, you could just use the Dollar, Euro, Yen, Yuan, Pound or whatever relatively stable currency is most popular where you are.)
It doesn't make sense to use Bitcoin as a unit of account, and nobody really does it because the people who have tried have been burned. So when you think of "1 Bitcoin" think of it more like you are saying "1 Kilogram of the commodity called bitcoin." Buy your coffee with bitcoin, measured in dollars. Take out your loan in euros, payable with Bitcoin.
But here's the thing, wallets need to support this way of thinking. They need to measure bitcoin balances and amount you are sending or requesting in regional units that the user chooses. To support that, they are going to need to know the exchange rate. Exchanges, Winkelvii and others could offer web service calls or RSS feeds of whatever, and users could choose the sources they prefer. Wallets could sanity check the sources and provide alarms when sources are too far apart, or change a lot in a short period of time. They should also print the exchange rate prominently so that the user can also check it for sanity.
TLDR: Wallets should allow the user to select a regional currency, and their balances and transactions should display measurements in that unit of account.
submitted by moral_agent to Bitcoin [link] [comments]

/r/oBitcoin FAQ - Novatos por favor leiam

Bem vindo ao /oBitcoin FAQ fixada

O texto que se encontra aqui foi desenvolvido por Mtzrkov e outros em Github.com/btcbrdev/oBitcoin e está em domínio público para ser usado livremente por qualquer um.

O que é bitcoin?

Bitcoin (BTC ou XBT) é o primeiro e mais importante dinheiro eletrônico sem autoridade central, baseado numa tecnologia open-source inédita chamada Blockchain, que foi desenvolvida por Satoshi Nakamoto em janeiro de 2009. Essa tecnologia permite a criação de um "banco de dados" confiável P2P (ponto-a-ponto), o que abre caminho para muitos tipos de inovação, sendo uma delas o próprio bitcoin e outras como contratos descentralizados, por exemplo.
Nota: normalmente emprega-se "Bitcoin" em maiúsculo para se referir ao protocolo (baseado na tecnologia Blockchain) e em minúsculo "bitcoin" para se referir a uma unidade da moeda.
O Bitcoin, além de um bem digital, pode ser considerado também um sistema de pagamento, totalmente independente de qualquer sistema já existente, como cartões de crédito, Paypal, bancos e outros. Sua capacidade atual estimada é de 7 transações por segundo, mas essa capacidade pode ser aumentada com o passar do tempo se houver necessidade. Por ser puramente digital e distribuído, o Bitcoin funciona 24/7 e tem alcance mundial, além de ter locais especializados de troca pela moeda local (chamados exchange) nas principais cidades do mundo.
A segurança da rede do Bitcoin, ou seja, o que garante que não existirá um chamado "gasto duplo" do mesmo dinheiro, é o consenso da rede P2P feito pela validação das transações por parte dos mineradores. Para que um minerador consiga incluir um bloco válido na rede, ele precisa utilizar um grande poder computacional. O processo de mineração consiste na realização de cálculos matemáticos para a seleção de quais transações válidas serão incluídas no próximo novo bloco do Blockchain, excluindo aquelas que tiveram uma tentativa de "gasto duplo" naquele período. Cada nó da rede, além dos mineradores, também é capaz de verificar a validade das transações incluídas no bloco. É nesse processo também que aparecem os "bitcoins ainda não descobertos". A distribuição dos bitcoins é feita de forma previsível, tendo uma queda de recompensa pela metade de 4 em 4 anos. Serão encontrados no máximo 21 milhões de unidades da moeda.

Quanto vale um bitcoin?

O preço de mercado de um bitcoin é determinado através da lei da oferta e da procura, portanto estando sujeito a variações de preço por causa de acontecimentos políticos e econômicos (como desvalorização e inflação de moedas estatais, conflitos, maior demanda por Bitcoin etc).
Assim como nas moedas estatais, o preço do bitcoin varia e pode ser diferente dependendo do lugar em que for negociado.
Se você for comprar dólares no Brasil, você terá que procurar uma casa de câmbio que poderá ter a cotação de R$ 3,00 por dólar, por exemplo. Caso vá a outra casa de câmbio, você poderá notar que o preço poderá ser ligeiramente diferente, além das taxas também variarem. Com o Bitcoin não é diferente. Essa variação entre as exchanges (nome comumente usado para se refererir aos locais de compra e venda de bitcoin) são equilibradas pelo mercado através de operações de arbitragem (comprar num lugar mais barato e vender num mais caro).
Para se ter uma ideia do preço médio do bitcoin, você pode dar uma olhada em sites como os que seguem:
Para um gráfico do preço ao longo do tempo, acesse:

Volatilidade

Por ser uma moeda ainda muito recente (inventada em jan/2009) e ainda não muito utilizada, seu preço de mercado ainda é muito volátil. Isso faz do bitcoin um investimento de risco atualmente. O preço tende a ficar mais estável ao longo do tempo, quando o mercado puder definir com mais exatidão seu "preço real". As oscilações também tendem a diminuir conforme o seu market cap (quantidade de moedas x preço) aumentar. Hoje (2015) o market cap do bitcoin é de US$ 3 bi, o que pode ser considerado pouco se comparado ao valor de algumas empresas como a Dell (US$ 24 bi) ou ainda de outras commodities como o ouro (US$ 2.600 bi).
Para um gráfico da volatidade ao longo do tempo, acesse:

Como obter bitcoins?

O bitcoin é um bem digital e assim como outros bens, pode ser adquirido de diversas formas:

1. Negociação direta (P2P / pessoa a pessoa)

Uma das maneiras mais baratas de se negociar bitcoins, porque não tem taxas, é comprando diretamente de outras pessoas que já possuem a moeda. As duas partes chegam a um acordo de preço e a troca é feita. Geralmente quem tem menos reputação entrega o bitcoin ou a moeda local primeiro.
Por ser uma maneira relativamente arriscada, pois não há um mediador para casos de descumprimento de uma das partes, a reputação de alguém deve ser muito considerada. Exemplo: prefira negociar com alguém do seu círculo de amizades (rede de confiança), alguém que você confie muito como familiares e amigos, ou por uma indicação (amigo de amigo). Se a outra parte tem uma reputação duvidosa, prefira negociar aos poucos (divida os valores em várias partes menores e vá trocando aos poucos).
Algumas ferramentas auxiliam nesse processo de reputação e rede de confiança, sendo elas:

2. Negociação indireta (com intermediário)

Outra forma de se negociar bitcoins (e essa provavelmente é a maneira mais conveniente, embora não seja a mais barata) é utilizando um intermediário que viabilize a compra e venda de bitcoins entre pessoas interessadas. Esses intermediários são as "corretoras" ou "bolsas" de bitcoins (mais conhecidas por exchanges).
Essas corretoras fornecem um serviço de intermediação entre compradores e vendedores de bitcoin, cobrando uma taxa para tal. Por causa disso o bitcoin nas corretoras tem um preço final um pouco mais alto do que se fosse comprar de outras maneiras, mas devido ao altíssimo volume, uma operação pode ser realizada instantaneamente.
Além de usar exchanges, você também pode encontrar um intermediário na relação P2P, tornando-a mais segura. Exemplo: um amigo em comum, que pode levar uma comissão previamente combinada para intermediar as duas partes.
Você pode conferir uma lista de corretoras no ExchangeWar. Algumas das principais corretoras brasileiras são:

Onde gastar bitcoins?

Hoje é virtualmente possível gastar os bitcoins em qualquer lugar, usando algum intermediário para trocá-los imediatamente sob demanda por alguma moeda local, como numa exchange ou com serviços como Neteller, Xapo ou Gyft.
Alguns locais porém já aceitam a moeda digital diretamente, como é o caso da Microsoft, Dell e Overstock, além de inúmeras outras ao redor do mundo.
Confira uma lista com mais de 100 mil lugares que já aceitam diretamente o bitcoin em SpendBitcoins ou no CoinMap.
Segue algumas listas de locais que aceitam bitcoin no Brasil:

Como minerar bitcoins?

Para minerar bitcoins você precisa executar um software em um computador especializado (ASIC) que possa realizar uma grande quantidade de operações matemáticas demandada pelo sistema de consenso P2P do bitcoin.
Logo após a criação do Bitcoin em 2009, era possível e rentável minerar bitcoins utilizando o processamento de computadores pessoais (através de simples processadores e placas de vídeo), mas com o tempo essa atividade deixou de ser rentável e tornou-se praticamente impossível para tais máquinas. Isso aconteceu pois o interesse no Bitcoin aumentou muito, trazendo assim mais pessoas para a mineração e impulsionando uma corrida por maior quantidade de processamento. Com o avanço da tecnologia e o aumento do interesse por Bitcoin, mais poder de processamento foi adicionado à rede Bitcoin e isso resultou em um aumento da dificuldade para se encontrar novos Blocos.
Essa é uma característica do protocolo Bitcoin: quanto maior o poder de processamento da rede, maior a dificuldade para se minerar bitcoins - ou seja, maior a dificuldade para se descobrir novos Blocos. Um bloco é um arquivo que possui uma identificação (data, hora e informações genéricas) e um registro das transações (movimentação de bitcoins entre endereços) mais recentes. Resumidamente, os mineradores são uma forma de manter a rede Bitcoin segura e operante, algo que demanda muito poder de processamento (o que torna inviável o uso computadores de propósito geral para tal fim) e que, como retribuição por essa tarefa importante, gera uma recompensa em bitcoins pelo trabalho.
Todas as transações, ou seja, as movimentações em bitcoins realizadas entre endereços (carteiras), são anônimas pois se caracterizam como uma transferência de fundos de um endereço Bitcoin para outro, que, embora tenham relação indireta com pessoas reais, não possuem uma relação direta. Ou seja, não é possível dizer com absoluta certeza que determinada pessoa é detentora de um endereço a menos que ela diga isso em algum lugar - o que torna o Bitcoin algo pseudônimo, não anônimo (você é anônimo apenas se quiser e tiver conhecimentos para tal). Todas as transações da história da rede Bitcoin são públicas e podem ser conferidas em sites como o Blockchain Info.
Então...é impossível minerar hoje em dia num PC comum ou notebook? Sim, mas não é lucrativo. Para isso existem os ASICs (Circuitos Integrados de Aplicação Específica, em inglês Application Specific Integrated Circuits), hardwares específicos para mineração. Há uma lista na Bitcoin Wiki, em inglês, onde estão listados todos os ASICs disponíveis no mercado e também placas gráficas e processadores. É importante notar que embora seja possível minerar bitcoins, não é algo recomendado aos brasileiros, uma vez que o equipamento é caro, importado e possui taxas de importação - além da energia elétrica brasileira, que inviabiliza totalmente o processo.
Nota: Em processo de desenvolvimento: Guardando seus bitcoins e Ganhando bitcoins.

Unidades comuns do bitcoin

Unidade Abreviação Quantidade em bitcoin Uso Nome alternativo
Bitcoin BTC 1,00000000 Unidade básica, usada no client padrão. XBT
millibit mBTC 0,00100000 Padrão em diversos serviços. -
bit μBTC 0,00000100 Possível novo padrão a ser adotado. microbit
Satoshi - 0.00000001 Frequentemente usado para negociar altcoins, menor unidade possível. -

Comunidade brasileira

submitted by felipelalli to oBitcoin [link] [comments]

cBTC, mBTC and μBTC are confusing. How about thinking in satoshi? (TSat, GSat, MSat, KSat, etc.)

There's a lot of discussion about how to name fractions of bitcoins as they get smaller and smaller. I think it's clearer to think in number of satoshis.
Current fraction names from the wiki:
I think these are confusing.
How about swapping it round, and thinking in satoshi. Then everything is like hard-disk sizes, and easy to understand:
Right now: (1 BTC = 180$)
...and when we're all rich: (1 BTC = 18000$)
What do you think?
submitted by jonwaller to Bitcoin [link] [comments]

The metric term Myria is a still used officially though uncommonly. It is 10 thousand.

Based on this NASDAQ article calling for something between Millibit and Microbit, I present Myribit.
http://en.wikipedia.org/wiki/Myriad#East_Asia
.01=Bitcent (100th) Cent .001=mBTC (1000th) Millibit .0001= 万BTC (ten thousandth) Myribit .000001=μBTC (millionth) Microbit .00000001=sBTC? (100 millionth) Satoshi
The original abbreviation symbol for Myria is an m with a overbar ....or since that is not in unicode, the Chinese language looks to have a better abbreviation. 万 is the simplified version of 萬 used to denote 10 thousand in China. Bitcoin is worldwide though mostly used in China, shouldn't it get a character?
A little more info on the abbreviation symbol: http://en.wiktionary.org/wiki/%E4%B8%87
submitted by imkharn to Bitcoin [link] [comments]

Eleven Says Un Gran Misterio se Esconde detrás del Bitcoin - YouTube GossipRoom - YouTube Q Money - Neat [Remix] feat. Young Dolph, YFN Lucci ... Lil Wayne -

Bitcoin.de ist keine richtige Börse, sondern eine Tauschplattform („Marktplatz“), ähnlich wie Ebay-Kleinanzeigen. Anleger können sich registrieren und Kauf- oder Verkaufsangebote in Euro einstellen. Käufer und Verkäufer bestimmen selbst, welchen Preis sie für die Bitcoins haben möchten. Nutzer können die Angebote direkt vergleichen. Um abzuschätzen, ob Sie auf Tauschplattformen ... The U.S. government has taken down a $25 million bitcoin ATM operation and seized 17 machines along with some cryptocurrencies. The Department of Justice says the man behind this unlicensed ... This page was last edited on 9 November 2014, at 17:35. Content is available under Creative Commons Attribution 3.0 unless otherwise noted.; Privacy policy; About ... Das besondere an Bitcoin ist, dass das Geld von keiner zentralen Stelle verwaltet oder ausgegeben wird: Jeder User verfügt über ein eigenes Konto in einem riesigen Peer-to-Peer-Netzwerk, jede Bitcoin-Einheit darauf wird durch eine Kette aus Ziffern und Schriftzeichen auf dem Computer des Inhabers gespeichert.Im Netzwerk ist zudem hinterlegt, in wessen Besitz sich die Einheit befindet und ... MilliBit was name chosen by popular vote in poll on the Bitcoin forum to represent the SI unit of 0.001 bitcoins (BTCs). The poll was announced on May 14, 2011 to come to an agreement of the most commonly used name. With the market exchange rate nearing $10 USD per BTC, a name for the sub-BTC unit was needed.

[index] [28256] [5046] [13474] [40513] [10626] [17005] [11832] [45291] [39452] [2292]

Eleven Says "Bitchin" - YouTube

Cryptocurrency Bitcoin को लेकर एक Latest Bitcoin News आयी है. India में Supreme Court ने एक बड़ा फैसला दिया है. 4 ... La famosa criptomoneda denominada Bitcoin, arrastra un gran secreto, un misterio que se esconde detrás de su desconocido creador, Satoshi Nakamoto, un anónim... Gossip Room est une communauté sur les réseaux sociaux, créée il y a 7 ans, qui regroupe aujourd’hui des millions de passionnés d’actualité TV, people, série... Instagram: @Q_Moneyyyy Neat (Remix) feat. Young Dolph, YFN Lucci, Peewee Longway OUT NOW!: http://ad.gt/neatremix Mixtape "Ain't Sh*t Funny" by Q Money out n... Support the Channel On Patreon https://www.patreon.com/OzCrypto Protect your crypto with the Ledger Nano - X https://bit.ly/2X0Rl1R Pure VPN: https://bit.ly/2TIc9h4

#